Depois do Carnaval eu começo…

Mais um Carnaval está chegando ao fim e agora você se depara com todas aquelas promessas de Ano Novo que ficaram para depois do Carnaval…

A folia acabou e mesmo para aqueles que não estavam de férias, é só agora que sentimos que o ano vai começar pra valer.

Portanto é hora de rever a sua lista de promessas e pendências e começar a resolvê-la.

Geralmente, em meio a essas pendências, está aquela dorzinha no joelho que incomoda só de vez em quando, mas que ficou insuportável depois de uma noite inteira de samba.

Já se você aproveitou o feriadão para descansar, na esperança de que aquela dor insistente nos ombros e pescoço que você sentiu no ano passado e também no ano retrasado passasse, pôde perceber que se você não melhorar sua postura e flexibilidade, passar quatro dias sentado no sofá não irá resolver o seu problema.

A verdade é que não conseguimos passar por cima dos sinais que o nosso corpo dá. A dor que serve de sinal de alerta para algo que não vai bem, é muitas vezes ignorada e um probleminha fácil de resolver pode se tornar um problemão.

Uma dor nas costas, por exemplo, é um sintoma que acomete mais de 80% da população e que pode ter uma solução simples se as posturas inadequadas do dia-a-dia forem modificadas e hábitos saudáveis como a prática de alongamentos forem incorporados. No entanto em torno de 30% desses casos vão se tornar crônicos, o que significa que a dor passará a fazer parte da vida desses indivíduos. Juntamente com a dor surgirão limitações nas atividades de vida diária e alterações no humor.

Portanto, de volta à sua lista, coloque o seu bem estar em primeiro lugar. Uma consulta a um médico especialista parece ser um bom começo. Mas perceba que a maioria dos tratamentos vai além dos remédios e que para a manutenção de sua melhora são necessárias mudanças de hábitos, e neste momento a maioria das pessoas desiste. E nessa hora é comum escutarmos que o tratamento não deu certo, que o remédio não era tão bom, que é melhor procurar outro especialista, etc.

Não deixe a responsabilidade de sua melhora nas mãos dos outros. Assuma a sua parte nesse processo. Um músculo que está fraco não irá ficar fortalecido se não for exercitado. Da mesma forma um encurtamento muscular não pode ser resolvido sem alongamentos. Mexer-se é a única solução!

Que tal cumprir sua promessa e começar de verdade tudo aquilo que prometeu depois do Carnaval?

Karina Santaella

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s