Viagens longas de moto ou bicicleta, como domar as dores nas costas?

Recentemente escrevi um texto sobre dicas para minimizar as dores nas costas em viagens longas e um primo querido me questionou sobre dicas para quem viaja em motocicletas.

Nas férias passadas, ele e a namorada foram de São Paulo à Tocantins de moto. Uns amigos levaram a bagagem mais pesada de avião e eles levaram só as coisas mais básicas. Não preciso dizer que se divertiram muito, mas ficaram com dores nas costas também.

Outros dois pacientes meus fizeram viagens de bicicleta neste início de semestre.

Um deles fez toda a Toscana (Itália) de bike. Contou com a ajuda de uma empresa especializada neste tipo de viagem. Alugou a bicicleta com eles, que também auxiliaram no percurso e levaram sua bagagem de uma cidade a outra. Meu paciente só se preocupou em curtir pedalando o percurso lindo, mas íngreme que escolheu. Gostou muito, mas terminou com a coluna bastante cansada.

Já o outro, desceu de São Paulo a Santos de bicicleta. Foi um dia só, fez só a descida. Levou seis horas, com algumas paradas estratégicas, acompanhado de uns amigos. Como fazia este percurso pela terceira vez, já estava mais preparado para a aventura. A bicicleta era sua e já estava devidamente adequada ao seu corpo e ao tipo de viagem. Levou só o necessário na bagagem, não sendo necessário dizer que se divertiu muito também, mas diferentemente dos outros, não sentiu dores nas costas, apenas sentiu a musculatura de coxa e de escapulas (próximo aos ombros) cansadas.

E por que será que estas viagens geram tantas dores nas costas?

Por que o último caso não apresentou o mesmo quadro?

Bom, quando se está em uma moto ou bicicleta o tronco todo fica muito livre, sem nenhum apoio, sofrendo o impacto do vento, além do impacto do solo. A posição sentada, com a coluna inclinada para frente mantida por muito tempo também cansa muito toda a musculatura eretora das costas.

Isso por si, já é preditivo de dor lombar, mas o que fazer quando se quer muito viajar de moto ou bicicleta?

As dicas do post anterior valem também para estes casos.

Coisas como programar paradas a cada hora, com direito a alongamentos e pequenas caminhadas. Preparar-se antecipadamente, com fortalecimentos específicos e complementares são importantes para uma good trip.

Mas o mais importante nestes casos é investir numa bicicleta / motocicleta adequada às suas necessidades.

As motos mais adequadas para viagens são as chamadas Custom, que são mais pesadas e têm um leve apoio lombar. Escolha modelos onde estes apoios lombares são mais altos. Observe se ela é adequada ao seu tamanho e faça as modificações possíveis para ajustá-la. Geralmente elas são padronizadas. Experimente vários modelos até encontrar a melhor para as suas necessidades.

No caso das bicicletas, existem especialistas em ajustar a magrela ao seu dono. Vale a pena o investimento. Pense nisso.

Porém algumas coisas podem ser observadas:

Na bike: o selim deve estar na altura de sua crista ilíaca (aquele ossinho na linha da cintura), o guidão na altura do selim e o banco paralelo ao chão, horizontal e alinhado. Para mulheres é necessário abaixar um pouco a frente do selim, para deixar a posição mais confortável.

Sua postura: os joelhos devem estar levemente flexionados (150) no ponto mais baixo do giro do pedal, com apoio de pés pelos metatarsos (região mais gordinha da sola dos pés, próximo aos dedos), os braços em leve flexão de cotovelos, evitando o travamento dos mesmos, com o tronco inclinado à frente uns 300, mantendo a coluna em posição neutra e alongada.

Ao pedalar: mantenha as solas dos pés pararelas ao chão, os joelhos alinhados com o quadril, sem deixa-los muito abertos ou muito fechados, evite descarregar o peso nos braços e varie os estímulos frequentemente.

A posição na moto depende de cada modelo, mas fique atento se sua coluna está numa posição neutra e alongada, se os ombros estão relaxados e destravados e se os seus pés estão bem apoiados.

Muito cuidado na estrada, pois os acidentes são frequentes e na maioria das vezes, fatais!

Boa viagem!

Perceba-se!

Ft. Ana Paula Pessanha

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s